Meditação: a importância de aprender a relaxar

1 de novembro, 2018
meditação-1280x854.jpg

Observando a Educação Física em seu modo integral, percebe-se que ela trabalha desde o esforço mais intenso até o repouso mais profundo. Assim, uma dica é aproveitar seu momento na academia não somente trabalhar o corpo, mas também para liberar sua mente. Dessa forma, para além dos benefícios estéticos, praticar um exercício físico é também dedicar um tempo ao cuidar de si. Afinal, aprender a relaxar é mais um modo de prevenir doenças relacionadas ao estresse e de reduzir quadros de ansiedade e depressão. Para desacelerar na academia, a Yoga é uma opção permanente da grade de horários da i9. Outra aliada do bem-estar e que será oferecida nesta quarta-feira, dia 7, é a meditação.

Parte da programação especial de novembro, a prática será conduzida por Cleber Cavalheiro, das 20 às 21 horas. Para participar, basta levar 1 Kg de alimento não perecível e garantir sua inscrição na recepção da academia. As vagas são limitadas e as doações serão destinadas ao Lar Colmeia, de Campo Bom.

 

FAÇA DA MEDITAÇÃO UM HÁBITO

Desenvolver sua paz mental é investir na Serenidade, item #3 do i9 elements, o Programa de Longevidade Saudável da i9. Por isso, neste mês a academia quer demonstrar maneiras de reequilibrar as emoções e driblar o estresse. Realizados desde 1970, diversos são os estudos que comprovam que o hábito de meditar ajuda a aliviar possíveis desconfortos e a melhorar a qualidade de vida. Especialmente para quem enfrenta alguma dor crônica, insônia e depressão. Além disso, a meditação ajuda a reforçar a imunidade e a reduzir a pressão arterial, o risco de doenças do coração e o nível de hormônios do estresse.

Mais do que relaxar, o ato de meditar promove mudanças em estruturas e funções cerebrais, tornando seus pensamentos mais eficientes. Por isso, recomenda-se pelo menos meia hora de meditação, três vezes por semana. Para começar sua prática reserve um horário livre de qualquer interrupção em um ambiente silencioso. Sente-se de forma confortável e procure desfrutar de sua própria companhia. Respire profundamente e mantenha um leve sorriso no rosto. Ouvir mantras durante a meditação também pode ajudar. Para concluir a atividade, abra seus olhos de forma suave e lenta. Complemente a prática com atividades que ajudam a manter o foco e a concentração, como Yoga e Muay Thai, por exemplo.

 

OUTRAS DICAS

Em meio a rotinas agitadas, algumas pessoas podem ter dificuldades para iniciar sua meditação. No entanto, algumas dicas podem ser bem úteis para quem está disposto a tentar:

– Uma forma de meditar é observar sua própria respiração. Ao equilibrar a respiração você equilibra também suas emoções.

– Outro modo é concentrar-se na chama de uma vela, sem imaginar nada, só observar. Ou num som: no tic-tac de um relógio, num instrumento específico de uma música, num mantra, no OM.

– O essencial não é não tentar pensar, mas, sim, não se identificar com os pensamentos, não criar vínculos.

– Tente começar com dois minutinhos diários. Depois, tente praticar duas vezes ao dia e, assim, vá aumentando a frequência e o tempo.

– Ter um local determinado para meditar pode ajudar bastante no início. Um espaço mais reservado, sem barulho e interferências externas.

– Manter a coluna ereta facilita a fluência energética e inibe o sono. Vale também apoiar as costas numa parede.

-Esteja confortável para evitar distrações ou perturbações, mas mantenha um equilíbrio entre a rigidez e o totalmente relaxado.

 

CAMINHAR TAMBÉM É MEDITAR

Diz-se que a tranquilidade é para o cérebro o que o sono representa para o corpo. E para alcançar a paz, um bom caminho é andar em paz. Que tal experimentar caminhar com um sorriso no rosto e em harmonia com sua respiração? Cumprir um trajeto é algo tão simples que muitas vezes as pessoas esquecem da beleza do movimento e da serenidade que seu deslocamento pode trazer. Caminhar e respirar ar puro também é uma forma de meditar e de encontrar harmonia com o universo. Por isso, neste sábado, dia 10, participe da Caminhada i9. Prepare uma roupa leve, boné, protetor solar e repelente. Com saída da frente do posto Sapatão, em Novo Hamburgo, às 7h30, a programação terá como destino São José do Hortêncio. Ao todo, serão 9 quilômetros em trilha com duração aproximada de 90 minutos. Para garantir mais serenidade a sua vida, faça sua inscrição na recepção.

 

Para saber mais, entre em contato com a i9!

 

iStock/g-stockstudio

Relacionados